Loja Fina Flor

Loja Fina Flor

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Técnicos da Emater-RN discutem novo Plano de Assistência Técnica para o Programa do Leite

Os gestores regionais da Emater-RN, acompanhados pelos assessores de pecuária e mercados institucionais, se reuniram na manhã desta sexta-feira (18), com os diretores da instituição, para discutirem as estratégias operacionais do Decreto nº 25.447/2015, que define as novas regras do Programa do Leite Potiguar (PLP).
A reunião aconteceu no auditório da autarquia, no Centro Administrativo de Natal, e foi conduzida pelo diretor geral da Emater-RN, Cesar Oliveira, e pelo diretor técnico, Aristides Bezerra Filho.
O objetivo foi socializar com os gestores e demais técnicos o decreto e as estratégias de divulgação nos municípios, bem como se dará a operacionalização do PLP a partir de agora.
Segundo o diretor técnico, Aristides Bezerra, o edital para cadastramento dos fornecedores (agricultores familiares) estará disponível de 1º a 20 de outubro e a Emater-RN já está discutindo a nova proposta de Assistência Técnica e Extensão Rural para a cadeia produtiva do leite.
A autarquia fica com a missão de assessorar as famílias produtoras de leite no processo de produção, a fim de promover o desenvolvimento e a consolidação dos participantes em suas Unidades de Produção Familiar (UPFs).
Os Plano de Ater do Programa do Leite se baseia em três eixos: produção e armazenamento de forragem e concentrados para alimentação animal; adoção de manejo sanitário e boas práticas de higiene; e promoção do melhoramento genético do rebanho.
Entre as estratégias a serem adotadas, estão a realização de reuniões de sensibilização e divulgação junto aos municípios, a busca ativa de produtores fornecedores selecionados através de chamada pública, visitas às Unidades de Produção Familiar para a realização de diagnósticos nos aspectos produtivo, social, econômico/financeiro e ambiental. Após o diagnóstico finalizado, a Emater sistematizará as informações, que serão apresentadas em reuniões nos municípios, a fim de serem elaborados Planos de Assistência Técnica e Extensão Rural nessas localidades.
DECRETO – A atuação do Programa do Leite Potiguar baseia-se no Decreto publicado no Diário Oficial no dia 19 de agosto de 2015 e define a gestão compartilhada entre Sethas e Emater. A primeira será responsável pelo recadastramento, cadastramento e monitoramento dos beneficiários, com foco em pessoas em extrema carência.
A Emater-RN será responsável pelos recursos e pagamentos dos produtores e pela assistência técnica aos produtores da agricultura familiar. Uma outra determinação do governador, a partir desse Decreto, é que o PLP passe a ter pelo menos 50% dos seus produtores de leite e laticínios originados da agricultura familiar, ampliando de 197 para cerca de 2 mil produtores de leite que receberão os recursos.


Fonte: Assessoria de Comunicação Social: EMATER-RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário