Loja Fina Flor

Loja Fina Flor

domingo, 4 de dezembro de 2016

“Caminhos para combater o racismo no Brasil” é tema da redação da segunda aplicação do Enem.

Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) farão redação sobre "Caminhos para combater o racismo no Brasil". O texto deve ser dissertativo-argumentativo de, no máximo, 30 linhas, desenvolvido a partir de uma situação-problema e de subsídios oferecidos sob a forma de textos motivadores.
Para subsidiar a produção textual dos participantes, a proposta de redação traz quatro textos motivadores: um que trata da condição do homem negro, o segundo é um artigo de lei que tipifica o preconceito de raça ou de cor como crime; o terceiro é uma peça publicitária que distingue o racismo de injúria racial; e o quarto traz uma definição acerca do que são ações afirmativas.
Um texto dissertativo-argumentativo precisa ser opinativo e organizado para a defesa de um ponto de vista sobre determinado assunto. A opinião do autor deve estar fundamentada com explicações e argumentos. O texto é dissertativo porque disserta sobre um assunto, descreve-o e explica-o. É também argumentativo porque defende uma opinião e tenta convencer e cativar o leitor com argumentos.



Motivos para tirar zero na redação:




1- Não atender a proposta solicitada ou desenvolver outra estrutura textual que não seja a do tipo dissertativo-argumentativo;

2- Entregar a folha de redação sem texto escrito;

3- Escrever até sete linhas, qualquer que seja o conteúdo;

4- Impropérios, desenhos e outras formas propositais de anulação;

5- Desrespeito aos direitos humanos;

6- Parte do texto deliberadamente desconectada com o tema proposto.


As linhas com cópia dos textos motivadores apresentados no caderno de questões serão desconsideradas para efeito de correção e de contagem do mínimo de linhas.





Fonte: Assessoria de Comunicação Social – portal do MEC



Nenhum comentário:

Postar um comentário