Loja Fina Flor

Loja Fina Flor

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Jorginho Bezerra é entrevistado pelo blog e fala das adesões politicas ao bloco da oposição em Tangará.



Jorginho, nos últimos meses você conseguiu diversas adesões para o seu bloco político para a disputa a prefeitura de tangará nas próximas eleições, a que você atribui essas adesões ao bloco da oposição em tangará?


Eu atribuo essas adesões a falta de capacidade administrativa que o prefeito está tendo em gerir os recursos do nosso município, a falta de atenção com a educação, a falta de atenção com a saúde, a questão da segurança que é um problema sério no nosso município e as pessoas também estão comparando a nossa administração, os oito anos da nossa administração, com essa administração atual, então as pessoas então fazendo a comparação e estão começando a julgar o que eu fiz e o que o prefeito atual está fazendo e estão começando a tomar as suas decisões políticas, e essas decisões políticas tem sido favoráveis ao nosso lado, ao lado que faz oposição a essa administração que não cuida do povo, que não tem carinho para com o povo e as pessoas estão começando a ver que o problema é muito sério na nossa querida cidade de tangará.


A atual administração trabalhou os primeiros três anos do seu mandato de forma tranquila, podemos dizer que a oposição só assistiu, mesmo assim não conseguiu fazer uma boa administração. Você já foi prefeito conhece as dificuldades de um gestor, o que faltou nessa administração para as coisas darem certo?


Eu diria que faltou a atual administração ter determinado o que que ia fazer pelo povo de tangará, a atual administração não teve a preocupação em traçar as metas para uma administração, não teve planejamento, não soube cuidar das pessoas, não soube fazer obras, não soube captar recursos para trazer obras para o nosso município, e isso é muito sério porque parou aquela obra administrativa que eu tinha feito durante os oito anos, então agora essas pessoas estão reclamando justamente porque faltou um planejamento, faltou um rumo para que as coisas pudessem tomar na nossa cidade e isso faz com que aqueles oito anos de desenvolvimento que nós tivemos na nossa administração, cuidado com as pessoas, o carinho com as pessoas, eu digo muito que nós tratamos das pessoas com carinho, nós fazíamos uma administração voltada para as obras e nós tínhamos o cuidado de fazer a assistência social, que a assistência social no nosso município também está parada, não têm condições do município continuar do jeito que está.


Jorginho no seu ponto de vista onde a atual administração mais pecou?



A administração pecou em não conversar com as pessoas, falta diálogo constante com os professores, falta diálogo com as pessoas que trabalham na saúde, falta diálogo com os vereadores, com as lideranças dos assentamentos, com as lideranças comunitárias, então essa é uma administração que ficou totalmente retraída, no que diz respeito as conversas políticas que são importantíssimas em uma administração para que você possa ter as condições de apoio, para que você possa aprovar matérias que são reivindicadas pela população, então você precisa escutar a população como eu escutava, como eu ia para os bairros, como eu ia para as comunidades rurais e ouvia as reclamações que as pessoas tinham e ai você fazia essas obras , você fazia aquilo que a população estava necessitando e estava clamando, então isso facilita muito uma administração. E essa administração peca completamente também nesse quesito em não se abrir para o diálogo, esse é um defeito muito sério de qualquer administração.


Jorginho obrigado pela entrevista, deixo o espaço para as suas considerações finais.


Nós ficamos tristes em ter uma administração que não se preocupa com  a população, uma administração que não atende as necessidades básicas de uma população, tangará hoje tem uma população em torno de dezesseis mil habitantes é uma população grande, uma cidade importante que precisa que a gente tenha cuidado ao gerir os recursos para que esses recursos que chegam ao nosso município possam ser direcionados de forma correta, então eu fico aqui preocupado no momento de hoje com os destinos da nossa cidade que tem um gestor que não se preocupa em aprender porque a gente muitas vezes não sabe de tudo, mas, a gente tem que se preocupar em aprender e nós temos em tangará uma pessoa que não se preocupa em aprender como gerir os recursos entrega tudo para outras pessoas que não foram eleitas para fazer isso, isso é preocupante, preocupante também é ter o município que recebe alguns recursos, e esses recursos são utilizados para fazer política em outro município, então isso é muito sério, isso é preocupante todos nós sabemos que os recursos de tangará estão sendo usados para fazer política em outro município e fica aqui a nossa preocupação para que a gente possa ter a responsabilidade de fazer com que tangará cada vez mais possa voltar a ter os seus destinos traçados por alguém que possa realmente fazer com que a cidade se desenvolva. Eu aproveito aqui o seu blog amigo para desejar um feliz ano novo para todos os cidadãos e cidadãs de Tangará para que a gente possa ter um ano abençoado por deus com chuvas no nosso município, que nós estamos passando por uma seca muito grande e que a gente possa entender que o ano de 2016 seja um ano bem melhor para o tangaraense do que foi 2015, 2015 foi um desastre administrativo e o prefeito tem que fazer com que as coisas voltem a caminhar no nosso município. Um grande abraço a todos e até a próxima oportunidade.

Um comentário: